Campo de Labaredas

Encontrei ontem este texto que escrevi após o campo de Labaredas de 2011 🙂

Labaredas 11 0089

“Mesmo tantos anos depois, continuo a não conseguir explicar a quem está de fora porque é que estas são as melhores férias do mundo. O rio, a roda, o BDS, a caminhada… tudo palavras mais ou menos banais até ao momento da chegada do autocarro.

Desta vez ficámos escondidos na 12P enquanto os Labaredas chegavam e se instalavam na roda. A apresentação dos animadores foi feita um a um e a reacção eufórica dos miúdos quando aparecíamos multiplicou por dez a energia com que já estávamos.

Os dias foram muito cheios, apesar de parecerem calmos. Cheios de mimos, cheios de amor, cheios de laços fortalecidos a cada minuto, cheios de provas de que juntos somos melhores. Ao quarto dia de campo, os Labaredas participaram no convívio de animadores e, depois disso, as equipas deixaram de fazer sentido. Daí até ao final formámos uma só equipa que, em auto-gestão, deu conta de todas as tarefas de campo, desde a lavagem da louça até espalhar magia em cada m2 do Pisão.

A onda Labareda tornou-se tão forte que tivemos que abrir alas para fora de campo. Fomos buscar a aldeia para a nossa feira e para a missa de campo. Partilhámos hambúrgueres, churros, shots, massagens, manicure, ofertório e

comunhão e saudámo-nos a todos, na paz de Cristo.

A noite de gala premiou as estrelas do Pisão… todos! As mesmas estrelas que vimos no céu depois do autocarro partir e levar os Labaredas que trazemos no coração.”

Pisão do Baeta – Castanheira de Pêra, Agosto de 2011
Anúncios

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s